Pesquisa

Não existem registos

Não existem registos

Não existem registos

Com jovens e adultos:

 

A psicoterapia psicodinâmica proporciona-lhe um tempo e um espaço para pensar e falar sobre o que sente em relação a si e aos outros. Poderá querer falar sobre conflitos na sua família, dificuldades com pessoas que lhe sejam próximas ou até sobre problemas no seu local de estudo ou trabalho. Poderão ser abordadas questões como:

 

  • o que está a acontecer actualmente na sua vida
  • como está a lidar com o que lhe está a acontecer
  • o que lhe aconteceu no passado
  • como o passado poderá afectar o que sente e pensa e o modo como age

 

O meu papel como terapeuta será ajudá-lo a estabelecer associações entre o passado e o presente num ambiente de empatia, livre de juízos de valor. Poderei ocasionalmente fazer observações sobre o que está a acontecer na sessão à medida que o diálogo se for desenrolando, de modo a mostrar como muitas vezes o que sente, faz e diz não é controlado por pensamentos conscientes mas antes por sentimentos provenientes do passado que residem no seu inconsciente. Se tal acontecer nas sessões, poderá também estar a ocorrer no seu dia-a-dia. Ao compreender melhor estas associações, estará mais apto a tomar decisões baseadas no que quer ou precisa no presente, em vez de permitir que experiências passadas condicionem as suas escolhas e os seus comportamentos.

 

No entanto, se quiser apenas falar sobre uma dificuldade específica, a minha abordagem concentrar-se-á sobretudo no alívio mais imediato de sintomas. O objectivo, neste caso, será o de fortalecer a sua adaptabilidade à situação em que se encontre, permitindo-lhe recuperar, tanto quanto possível, os seus níveis de funcionamento prévios.

 

Com crianças e adolescentes:

 

A psicoterapia de crianças e adolescentes visa ajudá-los a compreender e a gerir sentimentos, pensamentos e comportamentos conflituosos e difíceis de suportar. É essencial que o psicoterapeuta desenvolva uma relação de total confiança e empatia com a criança e o adolescente.

 

A psicoterapia de crianças e adolescentes respeita o grau de desenvolvimento psicológico em que se encontram, recorrendo a diferentes abordagens psicoterapêuticas e consequentemente a uma variedade de técnicas e objectos que irão facilitar a expressão das suas dificuldades. Bonecos, fantoches, água e areia, material de desenho e a realização de pequenos filmes poderão ser solicitados e utilizados pela criança ou pelo adolescente de modo a facilitar a comunicação das suas angústias e ansiedades durante a sessão.

 

Os objectivos serão os de auxiliar a criança ou o adolescente a falar sobre as suas preocupações num ambiente seguro, a ganhar confiança na expressão dos seus sentimentos, a compreender os seus conflitos internos, a melhorar os seus níveis de comunicação, a reconhecer e aceitar as suas forças e fraquezas, a lidar com sentimentos difíceis e a descobrir modos de lidar com preocupações, pressões e comportamentos negativos.