Pesquisa

Não existem registos

Não existem registos

Não existem registos

As razões que levam as pessoas a recorrer à psicoterapia incluem:

 

Jovens e Adultos

 

  • Abuso sexual físico ou emocional, passado ou presente
  • Ataques de pânico e estados de ansiedade permanente ou social, fobias
  • Auto-conhecimento
  • Baixa auto-estima ou falta de auto-confiança
  • Crises de identidade
  • Crises ou traumas
  • Comportamentos aditivos, tais como toxicodependência e álcool
  • Depressões (infantil, no adolescente, no adulto, pós-parto)
  • Dificuldade em expressar sentimentos
  • Dificuldade em lidar com dilemas ou com a mudança
  • Dificuldade em lidar com perdas: luto, o fim de uma relação, a saída de casa de um filho, o desemprego, etc
  • Dificuldade em gerir a raiva, a frustração ou a agressividade
  • Distúrbios alimentares
  • Distúrbios psicossomáticos
  • Medo de que sentimentos como a fúria, a tristeza, etc. se apoderem da pessoa
  • Momentos de transição, tais como a maternidade, a entrada na reforma, etc
  • Relações afectivas: gestão de conflitos e de sentimentos como o ciúme, a inveja, a solidão; problemas em formar ou manter relações; dependência afectiva
  • Problemas relacionados com a infância
  • Problemas relacionados com o trabalho
  • Sentimentos de infelicidade ou de vazio
  • Sexualidade
  • Stress pós-traumático

 

Adolescentes

 

  • Ansiedade, medos, fobias
  • Bullying e as suas consequências
  • Comportamento alimentar (bulimia, anorexia, obesidade)
  • Comportamentos de risco
  • Conflitos familiares
  • Dificuldades escolares
  • Dificuldades nas relações amorosas
  • Imagem corporal, baixa auto-estima
  • Integração social/escolar
  • Orientação escolar e profissional
  • Problemas de comportamento
  • Sexualidade e/ou identidade sexual
  • Tristeza, apatia, depressão

 

Crianças

 

  • Agressividade
  • Apatia e isolamento
  • Alterações bruscas de humor
  • Ansiedade, medos e fobias
  • Ciúmes
  • Comportamento obsessivo, ideias fixas
  • Dificuldades de aprendizagem
  • Distúrbios de alimentação
  • Luto mal gerido
  • Problemas de adaptação
  • Reactivação de medos passados
  • Tristeza e depressão